Author: Ron Harvey

Veja a diferença entre impostos, taxas e contribuições!

Durante a vida, com certeza você vai ouvir falar nestas três palavras: taxa, imposto e contribuição. Estes valores são muito importantes pois acabam influenciando de alguma forma a sua vida e são direcionados para diferentes áreas. Mas você sabe qual a diferença entre eles? O texto a seguir busca esclarecer melhor esta dúvida, portanto continue lendo e compreenda:

É fundamental saber como está sendo o gasto o dinheiro que investimos ou precisamos pagar em algumas negociações, ou até mesmo saber porque estamos sendo descontados. A maioria das vezes, nem temos noção da utilidade dos nossos impostos, taxas e contribuições, por isso, o texto a seguir estará pontuando um por um para que você possa compreender a trajetória do seu dinheiro.

Imposto

Comecemos pelos impostos, que estarão presente em diversas categorias. Os impostos influenciam sobre as posses e a sua renda mensal. Estes valores cobrados são revertidos em melhorias gerais, como por exemplo, serviços para a sua cidade e manutenção dos órgãos públicos. Vamos usar como exemplo o IPVA 2020, valor a ser pago pelos proprietários de veículos, neste caso o imposto é sobre o patrimônio.

Quando os proprietários de uma região pagam por exemplo, o IPVA MG 2020metade deste valor será destinado a melhoria e a manutenção dos serviços gerais de trânsito. Um outro exemplo de imposto é o Imposto de Renda, que é a aplicação em cima da renda do servidor.

Taxa

Agora vamos falar de taxas. As taxas estão presentes na maioria das coisas que pagamos e dos serviços que utilizamos. Este valor diz respeito a porcentagem para prestação de serviços a um ente público, tal como o desconto de taxas para quem recebe um prêmio em dinheiro. Parte, estará destinada ao governo.

Existem também as taxas públicas para serviços que beneficiam a população. Quando falamos da limpeza da rua, estamos falando de uma pequena taxa cobrada para que o serviço seja efetuado.

Contribuição

A contribuição, ás vezes, pode soar como facultativa, mas a nomenclatura não remete a isso! Chamamos de contribuição, quando de alguma forma o contribuinte for beneficiado.  Um bom exemplo são as contribuições do INSS, descontadas mensalmente do salário dos trabalhadores. Este valor será a garantia da aposentadoria para você, ou seja, sua contribuição se tornou um benefício.

Também existe a contribuição para melhorias, que também não deixa de ser um benefício. Por exemplo, a contribuição que é feita quando determinada rua vai ser asfaltada. Os moradores serão beneficiados e o valor das propriedades irá subir.

Veja como conseguir desconto no pagamento do seu IPVA MG

Com o começo do ano, novos valores começam a aparecer e pesar no bolso dos brasileiros. Um dos pagamentos obrigatórios que mais preocupa o brasileiro é o IPVA, principalmente para aquelas regiões que possuem um imposto um pouco mais. É o caso de quem possui um carro no estado de Minas Gerais.

Por isso, quem cumpre com o imposto e mora na região já está se perguntando como pode conseguir um descontinuo no valor. Leia o texto a seguir e descubra como:

O IPVA

A sigla IPVA é referente ao Imposto de Renda Sobre a Propriedade de Veículos Automotores. Esta é uma das taxas obrigatórias pelas quais o proprietário de veículos deve pagar e é cobrada anualmente.

Cada estado possui seu próprio IPVA, assim como unidade especial do DETRAN. Essas atividades são estaduais e por isso, pode haver uma grande variação nos valores do imposto ao redor do país.

O IPVA Minas Geraispor exemplo, está registrado como um dos mais altos. Os mineiros e moradores do estado terão de desembolsar esse ano 4% do valor original do veículo para cumprir com a taxa!

Vale mencionar ainda que o cumprimento do IPVA é fundamental para a liberação de outros documentos e não estar regular com ele pode gerar algumas consequências.

O que acontece se eu não pagar?

Como foi mencionado, o IPVA de Minas Gerais é um dos mais caros entre os estados e quem deixa de pagar a taxa fica sujeito a cobrança de multas. Além disso, também é adicionado a esse valor uma taxa de juros recorrente.

Quem não pagar em dias o IPVA MG 2020 ficará impossibilitado de realizar o licenciamento do seu veículo. Esse é um dos documentos mais importantes para proprietários de veículos, pois funciona como uma identificação do automóvel.

Todas essas casualidades se tornam um problema maior ainda quando o motorista é flagrado com a documentação vencida. Nesse caso, a apreensão do veículo poderá ser aplicada.

Como conseguir desconto?

Para evitar maiores consequências e ainda conseguir um bom desconto no seu IPVA, vale a pena mencionar que o DETRAN de Minas Gerais está oferecendo vantagens para quem opta pagar à vista.

O IPVA pode ser pago em até três parcelas, mas estiver pagando em uma só vez, em dinheiro, consegue um abatimento do valor total. Isto é claro, para quem estiver de acordo com o vencimento IPVA 2020 MG.

Para realizar o pagamento, basta acessar o DETRAN da sua região e emitir a guia de pagamento. Pague em uma agência bancária ou lotérica e aproveite o desconto!

Conheça as 7 cidades mais pacatas do Brasil

Enquanto algumas regiões do Brasil são verdadeiras metrópoles, outras são tão tranquilas que mais aprecem um cartão postal. Essas cidades são perfeitas para tirar uma folga do estresse e parecem estar fora de contexto com o mundo real. É isto que você está procurando? Então conheça a seguir as 7 cidades mais pacatas do país:

1. Jaraguá do Sul – SC

Jaraguá do Sul está situada no estado de Santa Catarina e é um lugarzinho muito aconchegante. Quem visita a região pode se deparar com um ambiente receptivo. Entretanto, é importante mencionar o índice do Desenvolvimento Humano (IDH) na região e o número de pessoas com o ensino básico completo.

Em 2018, existiam mais de 175 mil habitantes na região, que se comparado com uma grande cidade é um número favorável para a prefeitura da região.

2. Brusque – SC

Também estando situada em Santa Catarina, Brusque entra na lista como uma das regiões mais tranquilas e mais promissoras para se morar. Devido ao número médio de habitantes existentes, a economia da região é bastante equilibrada, sendo a cidade com mais número de carros por pessoa.

De acordo com pesquisas, Brusque foi indicado como o segundo melhor local para se viver no estado de Santa Catarina, sendo uma cidade propícia a qualidade de vida.

3. Americana – SP

Você já ouviu falar na cidade de Americana? Apesar do estado de São Paulo ter essa fama de centro agitado, algumas regiões ainda mantém um estilo de vida pacato. É o caso de Americana, cidade em que a maior parte do perímetro é formado por área rural. E isto não impede a região de se desenvolver.

Alguns anos atrás, pesquisas indicaram Americana como a 45° cidade mais populosa de São Paulo, com seus mais de 230 mil habitantes.

4. Araxá – MG

Outro local bastante favorável para quem quer uma vida calma e com qualidade, é a cidade de Araxá, situada no estado de Minas Gerais.

Araxá tem um pouco mais de 100 mil habitantes e é considerada uma área propícia a exploração de minérios. Essa atividade poderia justificar o número populacional da região.

5. Teresópolis – RJ

Representando o estado do Rio de Janeiro, também conhecido por seus cenários turísticos e agitados, temos a belíssima cidade de Teresópolis.

A maior parte do perímetro da cidade também é composto por área verde. Além disso, a região é a mais alta do Rio em relação ao nível do mar.

6. Bagé – RS

Bagé é uma cidade do Rio Grande do Sul bastante conhecida por seu visual pacato. A qualidade de vida na região é bastante propícia para os moradores.

E esta qualidade é referente ao controle populacional existente, já que pouco mais de 120 mil habitantes ocupam a tranquila cidade de Bagé.

7. Cametá – PA

Você já pensou em visitar a cidade de Cametá? Para quem gosta de um clima agradável e tranquilidade, essa cidade pode ser o melhor destino.

Com pouco mais de 130 mil habitantes, Cametá é conhecida por ser uma região de preservação cultural e grande riqueza em relação a história.